Alienação intelectual

  • Jon Brodsky
  • 11 out 2022

A alienação faz muitos acreditarem que é possível “aprender a pensar”, quando, na verdade, pensar trata-se de uma capacidade inata – assim como andar, falar, ouvir.  Quem pretensiosamente queira ensinar-te a pensar quer, na verdade, manipular-te, adestrar-te,  intelectualmente.  Aprender a pensar com alguém é a mesma coisa de saborear um alimento com o paladar  emprestado do outro – sendo que será este outro quem desfrutará o sabor do alimento degustado.

É você quem precisa visualizar aquilo que o seu próprio intelecto percebeu, e tentar verbalizá-lo – expressando em palavras. Este processo de expressividade acontece paulatina, misteriosa e espontaneamente, pois elas emergem da totalidade do nosso interior – como um ser que se sente, pensa,  reflete-se,  espiritualiza-se  e se relaciona.  Os nossos pensamentos, portanto, são fundamentados na realidade, e nas verdades que alicerçam nossa consciência intelectual, emocional, espiritual e social.

As verdades penetram internamente na estrutura completa do nosso ser, atingindo todas as nossas faculdades, das mais básicas às mais sofisticadas; nada escapa. Logo, todo o nosso ser pensa como uma orquestra sinfônica – em conjunto e de forma harmônica -, com todos os instrumentos em funcionamento. Portanto, é uma horrorosa falácia quando nos dizem que pensamos com o cérebro, pois é como querer pegar algo apenas com um dedo e andar apenas com uma perna. Somente alienados pensam com o cérebro.

O conhecimento nasce com a maturação das verdades que estão internalizadas, as quais, espontaneamente, vão emergindo. Uma criança, quando começa a falar, não estudou um manual de gramática para se capacitar a pensar e falar. De repente, ela começa a expressar-se verbalmente, e, como num passe de “mágica”, ela começa a raciocinar intelectualmente sobre muitas questões – o que sempre nos pega de surpresa.

Todos nós percebemos verdades e expressamos conhecimentos por meio da totalidade do nosso ser, e a função do nosso cérebro é secundária – mero coadjuvante que trabalha humildemente com a finalidade de transformar todo o arcabouço de conhecimentos em proporções manejáveis. A alienação imbeciliza o intelecto reduzindo-nos ao cérebro, ao qual não passa de uma pequena parte de um todo complexo.

Este conteúdo está bloqueado

Assine agora ou faça login para desbloquear o conteúdo!

Jon Brodsky

Jon Brodsky (Jonas Peres Loureiro). Nasceu em São Paulo, mas viveu no sul de Minas Gerais. Estudante de Medicina, deixou a faculdade para empreender no ramo de franquias nos 1990. Porém, nunca deixou sua atividade de escritor, sempre escrevendo e se aprofundando nos estudos de filosofia, frequentando seminários, lendo livros e se especializando. Foi professor da escola dominical e de estudos bíblicos. Todos os seus livros são embasados atualmente na filosofia de pensadores como Eric Voegelin,  Xavier Zubiri, Louis Lavelle, Kierkegaard, Eric Weil, Platão, Herman Dooyeweerd (Filosofia da Ideia Cosmonômica), Victor Frankl, João Calvino, Aristóteles, Ortega y Gasset, Edmund Burke, Nietzsche, Spinoza, Schopenhauer, David Hume, Kant, entre outros.

Assine nossa Newsletter!

Assine nossa newsletter por e-mail para receber artigos úteis e ofertas especiais.


    Tags populares

    #4discursos#8m#actante#Adolescente#AlainPeyrefitte#AlfredKinsey#Alienação#AltaCultura#Amadeus#AmãodeDeus#Amlet#AnaCampagnolo#Analiseliteraria#Anime#AntonioGramsci#AntonioMazzeo#Antoniorago#Antropologia#aparelhosprivadosdehegemonia#Aristoteles#Arte#artedopossivel#Artes#Artesacra#Autoridade#Beleza#biografia#Blackclover#Bleach#Boecio#Boitempo#Bokunohero#BradPitt#Brasil#Brasilparalelo#burguesia#burke#CapitalIntelectual#CapitalSocial#Caridade#CarlJung#Celsofrederico#Certeza#Chesterton#cidadania#circulodelatencia#COF#comunismo#Confiança#consciência#consciente#conservador#conservadorismo#convicção#CornelioFabro#Cornu#Cosmologia#Cosmos#Cratologia#Crianças#cristianismo#Cristo#Critica#cultura#CulturaOriental#CulturaPop#cursoonlinedefilosofia#Dalila#Deathnote#decadialetica#DecioSaes#democraciaracial#Depressão#Desenvolvimentosocioeconômico#Deus#dialetica#Dialeticasimbolica#DiaM#Dianabarros#Direita#discursivo#discurso#Divorcio#Dostoievski#Drama#EdgarAllanPoe#Edithstein#edmundhusserlcontraopsicologismo#Educação#Educaçãodomiciliar#ego#Epistemologia#epistemologiafilosofica#eraumavez#Ericvoegelin#escoladefrankfurt#Escolastica#Espírito#esquerda#Estado#Eternidade#Etzel#Evidência#Existencialismo#extremadireita#fantastico#Fariasbrito#fascismo#FaustoZamboni#Fé#feminismo#Filmes#Filosofia#FilosofiadoDireito#FilosofiadoValor#Filosofiapolítica#Filosofiatransconsciêncial#FrançoisLecoutre#FriedrichEngels#Frodo#Gênero#GeorgeOrwell#Gilbertofreyre#GordonAllport#Gramsci#Greimas#GyörgyLukács#HannahArendt#HansKelsen#Hegel#Heidegger#Histericos#Homem#Homemcomum#Homeschooler#ideologia#Igreja#Iluminismo#Império#inconsciente#Índice#IndústriaCultural#integralismo#intelectualidade#Inteligência#Inteligenciaemocional#inteligenciaeverdade#introduçãoaolavodecarvalho#Intuição#IstvánMészáros#ItaloMarsili#IvanIllich#Jakobwassermann#Japão#Jardimdasaflições#Jaspers#Jeancalvez#JeanJacquesRousseau#Joãocamilo#jornalcultural#josepaulonetto#JrrTolkien#JuanCruzCruz#JudithButler#JulianMarias#jusnaturalismo#juspositivismo#Kant#KarlMarx#KateMillett#Kierkegaard#kirk#Kollontai#korsch#Lavelle#Leiseternas#leisontologicas#LeonardoDicaprio#LeszekKolakowski#Libidodominandi#linguagem#Literatura#logoi#Logoterapia#LouisLavelle#Lukács#Luke#Mangá#Maquiavel#MargaretSanger#MaríliaMoschkovich#Marioferreira#Marlyviana#Marx#marxianos#marxismo#marxistas#marxologos#maturidade#Maurizius#Mentalidaderevolucionaria#Meszaros#Metafisica#metafisicacarvalhiana#midcult#Mídia#Midiasemmascara#Mídiassociais#Milosforman#Mito#Mozart#Mundo#NancyFraser#Nãoolheparacima#narrativo#Naruto#Natal#Naturezahumana#negacionista#neocon#neofascismo#Netflix#Nietzsche#Niilismo#Ocorvo#Ódio#Ogatopreto#ohobbit#Ohomemdonorte#Olavodecarvalho#OliveiraViana#OminimosobreOlavodeCarvalho#Ontologia#ONU#OrtegayGasset#ortodoxia#osenhordosaneis#OSilmarillion#Oswaldspengler#Otaku#Pais#pandemia#PaoloSorrentino#Pascoa#passado#Patronato#PedroLombardo#Peirce#pentadialetica#perelman#Personalidade#perspectivarotatoria#Poder#Podermoderador#Pólis#Ponerologia#popular#Portugal#práxis#presençadoser#Programanarrativo#Prudencia#Psicologia#Raskólnikov#Raymondaron#reacionarismo#realidade#realidadebrasileira#ReneGuenon#República#RevistaVeja#Revoluçãosexual#RicardoAntunes#RobertdeNiro#RobertEggers#RonaldRobson#Rosaluxemburgo#Rosenstock#Rubel#sabedoriadasleiseternas#Sacerdotes#Sade#Sansão#SantoTomásdeAquino#Semantica#SeminariodeFilosofia#Semiótica#sensocomum#SentidodaVida#Ser#Sereconhecer#Simba#Simbolo#SimonedeBeauvoir#sinceridade#Sleepers#soberba#sociedade#Sociologiadotrabalho#Stalin#Susannelanger#Tarantino#Temperamentos#TeoriadasDozeCamadas#texto#The WalkingDead#TheodoreDalrymple#tiagoamorim#TimLahaye#TokyoGodfathers#Tolkien#Tradição#Transcendente#TratadodosValores#travesti#Tribos#Triplaintuição#Trivium#Tzvetantodorov#Umanel#Unamuno#universidade#utilitarismo#Valor#Verdade#Vida#VidaIntelectual#Videeditorial#Vieira#ViktorFrankl#VirgíniaFontes#Vontadeintelectual#weilAndrewLobaczewskiAxiologiaCruzPadreBobbySimbolismoVIsalãodolivropolítico